Notícias

Como medir os investimentos para evitar os exageros?

Sá, 22 de Agosto de 2020

Na 8a. entrevista da série sobre gestão financeira rural, o produtor Paulo Roberto Nicola chama a atenção do produtor para as despesas de investimentos exageradas, e recomenda: "Antes de gastar, olhe para dentro da propriedade; veja o que está causando custos desnecessários. Por exemplo, um maquinário ultrapassado, que exige manutenção constante. Certamente esse é um ponto por onde escorre o lucro".

-- "É como se uma barrica estivesse furada, deixando vazar parte do lucro!"

Autor de dois livros sobre administração financeira rural, o colaborador do NA adverte que todas as despesas saem, inevitavelmente, da safra.

-- "Logo, antes de investir, o produtor tem de dimensionar o uso e a utilidade do maquináro. Você não pode comprar equipamentos que vão sobrar dentro da propriedade, e o mesmo se faz com o que está sendo substituido. Se deixar, o maquinário velho não sai mais da propriedade, e o custo de manutenção é constante.

Por fim, Paulo Nicola diz que, a partir de agora, o auxilio do agronomo será fundamental. "Os bancos só vão emprestar se o produtor contar com o auxilio de um agronomo. Ele é quem vai dimensionar os investimentos, será co-responsável pelos investimentos; o agronomo, a partir de agora, será um profissional diferente, deixará de ser vendedor para ser um parceiro do produtor, como um médico de familia, o agronomo será também "da família" do produtor.

O agronomo é quem vai indicar e assinar embaixo, "um agronomo QI, o que indica...e assina ".

Assista a entrevita completa no vídeo abaixo!

Voltar

Índice PAB

26.11.2020
Soja (R$)PAB
143,001,50

Preço Bruto (Centro Oeste do RS)

Entenda o índice PAB
Paulo Nicola

Paulo Nicola

Agropecuarista e engenheiro civil formado pela FURG. Concluiu MBA em Factoring pela FAI. Em 1980 criou a Nicola Engenharia. Atua em planejamento administrativo, financeiro e desenvolvimento empresarial. Membro do conselho de administração do Grupo Nicola. Na região Centro-Oeste do Brasil, administrou uma propriedade rural com 27.000 hectares, e ao Sul, atividades de agricultura, pecuária de corte e gado de cria em áreas que totalizavam 6.000 hectares. Diretor financeiro da Nicola e Fernandes Ltda., empresa que apoia mais de cem pequenas e médias empresas e dezenas de produtores rurais.